top of page

Será que musculação emagrece mesmo?

Atualizado: 5 de jul. de 2023

Olá GUERREIROS(AS)

O assunto é grande mesmo pois existem muitas dúvidas espero que some na rotina de um melhor entendimento de vocês sobre esse assunto, leia pacientemente :D.





Afinal...

“Será que a Musculação emagrece mesmo???”


Essa é uma das perguntas mais frequentes em academias e que também está presente naquela conversa entre amigas.

Não precisamos voltar muito tempo atrás, onde, por muito tempo, foi decretado que se você quisesse emagrecer, deveria fazer exercícios aeróbicos (LEMBRA), como corrida, spinning, jump, step, natação.


Nesse período também, caso seu objetivo fosse ganhar músculos, aí sim você deveria fazer musculação. No entanto, existem muitos estudos até mesmo daquela época demostrando o contrário, mas não havia tamanha facilidade de se obter esse conhecimento.


Mas, Você quer emagrecer ou quer ver seu peso diminuir na balança?

Acredite, uma coisa não necessariamente tem a ver com a outra.

Saiba que, “Emagrecer significa perder gordura”, e isso quer dizer, PERDER APENAS GORDURA, não massa muscular magra.


Entendamos que perder peso na balança nem sempre significa que você está mais magra, tendo em vista que EMAGRECIMENTO É APENAS PERDER GORDURAM questiono quanto de gordura perdeu desses quilos que viu descer na balança?


Veja bem os quilos perdidos, eliminados, que você visualiza na balança a menos podem ser de água e músculos, por exemplo.


Entenda o que é composição corporal e como seu peso na balança, sozinho, não significa absolutamente nada.

Músculos ocupam menos espaço no corpo devido ao seu volume menor, o que nos garantem um aspecto atlético, enquanto a gordura nos deixa mais flácidas e com celulite, devido ao volume da gordura ser maior, causando danos ao tecido epitelial e muitas vezes com a aparência envelhecida.

Para você que quer emagrecer, o mais importante é saber que quanto mais músculos você tiver, mais acelerado será seu metabolismo.


Então, por mais que você possa queimar mais calorias durante uma atividade aeróbica, com músculos desenvolvidos, você queima mais calorias o dia inteiro.


O ideal é que você faça os dois tipos de atividade, mas se você tiver que escolher entre musculação e aeróbico, opte pela mãe de todas as artes a Musculação.


Ela não só emagrece, como vai ajudar você a se manter magra melhorando todos os sistemas funcionais de seu corpo.


1: NO TOTAL, A MUSCULAÇÃO FAZ VOCÊ QUEIMAR MAIS CALORIAS QUE O AERÓBICO;

Quando você se matricula na academia, a primeira coisa que pedem para você fazer é uma avaliação física, mas você opta por não fazer, como você saberá a real mudança corporal se não tiver colhidos esses dados ein? Bom faz muito sentido, pois é a partir do resultado dessa avaliação que seu planejamento de treino será montado.

Mas você já reparou que, mesmo que seu objetivo seja emagrecer, sempre aconselham que você faça musculação? O que nem sempre fica claro é o real motivo disso.

Muitos indagam;


“Eu odeio musculação! Por que esse cara tá insistindo nisso? Eu não quero crescer, Eu quero emagrecer, não ficar musculosa!”


Você pensa e em muitas vezes chega a discutir.

Acontece que uma atividade física precisa ser vista sob a ótica do gasto calórico total e não apenas do gasto calórico na execução da atividade em si, assim sendo, é preciso somar o quanto você gastou realizando o exercício + a energia gasta pelo corpo para se recuperar da atividade.

Dica importante: Quanto maior for a intensidade do exercício, maior será a demanda de energia para reparar o que foi gasto pelo corpo. E apesar da gordura não ser a principal fonte de energia em um treino de musculação, existe um processo chamado gliconeogênese, no qual o fígado produz glicose, fonte primária de energia, a partir da quebra de gordura e também de proteínas.


Assim, seu corpo utiliza gordura para repor as calorias perdidas durante o treino. E com o metabolismo acelerado, você continua queimando a gordura por muito tempo depois da atividade física.


Gasto calórico pós-atividade física

Em uma aula de spinning de uma hora de duração, uma pessoa de 70kg queima cerca de 500kcal. Em uma hora de musculação, com intensidade moderada, essa mesma pessoa queimaria 350kcal.


Esses valores são apenas uma referência e saiba que eles tendem a mudar de pessoa para pessoa de acordo com o metabolismo de cada uma, mas também de acordo com a intensidade despendida no exercício.


Não adianta fugir da musculação e achar que está abafando por fazer spinning, se você não coloca vontade no que está fazendo e fica quicando na bicicleta (porque a carga está leve!).


O que você realmente precisa saber, é que após o exercício aeróbico, nosso metabolismo leva cerca de 1 hora para voltar à normalidade, processo no qual eliminamos entre 10 e 15 calorias.


Já quem faz musculação tem o metabolismo acelerado em 12% no pós-treino e mesmo depois de 15 horas após treinar, esta taxa continua 7% mais alta!


Agora e por que isso acontece?


Entendamos melhor a MUSCULAÇÃO, primeiro pra não falarmos besteira sobre ela, segundo para que assim possamos ainda mais direcionar o que realmente é melhor e efetivo ao nosso corpo, porque durante uma atividade física como a musculação, o músculo passa por um processo de catabolismo, ou seja, é desgastado. Em seguida, o corpo trabalha para se recompor e reconstruir as fibras lesionadas.

Para que isso aconteça, o organismo entra em estado de anabolismo, que vai regenerar o músculo e torná-lo ainda mais forte e resistente.


Esse mecanismo de recuperação do organismo após um exercício com pesos demanda muito mais energia do que uma atividade aeróbica.


Devido a isso, é que não se deve treinar a mesma musculatura todos os dias. A musculação requer um tempo de descanso maior para gerar o resultado esperado.


2: MUSCULAÇÃO FUNCIONA EM CURTO, MÉDIO E LONGO PRAZOS

A Taxa de Metabolismo Basal (TMB) é a quantidade mínima de energia necessária para manter as funções vitais do organismo em repouso. Essa energia geralmente é medida em calorias.


A TMB pode variar de acordo com o sexo, altura, idade, genética, prática de atividades físicas, peso e composição corporal, isto é, quantidade de massa magra e massa gorda que você possui.


A musculatura é um tecido metabolicamente ativo. Os músculos demandam oito vezes mais do metabolismo do que as células de gordura.


Por isso algumas pessoas magras e musculosas parecem poder comer de tudo sem engordar. Você provavelmente conhece alguém assim.


Cada quilograma adicional de músculo demanda aproximadamente 100 kcal por dia.


Isso significa que quanto mais músculos você tiver, maior será seu gasto calórico diário, mesmo quando estiver dormindo.


Por isso a musculação emagrece, porque ajuda você a desenvolver e manter sua musculatura.

Se você está pensando em emagrecer com saúde e se livrar do efeito sanfona, investir em músculos é indispensável.


Então não tenha medo de pegar pesos e treinar intensamente, aprenda que, NÃO é rápido, NÃO é fácil, mas é um investimento rentável.


Embora muitos iniciem buscando o treino de MUSCULAÇÃO, pela estética, o retorno não vem apenas em uma bela estética, mas especialmente em qualidade de vida, autoconfiança e um envelhecimento mais saudável.


3: MUSCULAÇÃO MELHORA SEU DESEMPENHO EM QUALQUER OUTRA ATIVIDADE;

Já reparou que atletas de diferentes modalidades praticam musculação? Corredores, jogadores de futebol, atletas de vôlei, entre vários outros não praticam só o seu esporte em si, a musculação sempre está presente nas preparações.

Isso porque treinos de musculação podem melhorar sua performance em qualquer atividade aeróbica, já que o trabalho de força com controle sobre a ação do movimento, age principalmente como fator protetor das articulações.


As articulações são envolvidas por músculos, por isso que, quanto mais fortalecidos, melhor vão atuar na estabilização das mesmas.


Isso pode evitar uma série de lesões, especialmente nas articulações dos joelhos, quadris e tornozelos, que, em geral, são as que mais recebem impacto em uma atividade aeróbica.


Você sabia que até pouco tempo atrás, apenas as atividades aeróbicas eram recomendadas para a saúde cardíaca, mas isto vem mudando.


A musculação prepara o coração para esforços mais intensos, enquanto os exercícios aeróbicos, de forma geral, preparam o coração para atividades mais leves e prolongadas.


Com músculos fortalecidos, a atividade aeróbica é potencializada, já que o indivíduo conseguirá se exercitar por períodos mais longos e com intensidade maior.


Sem contar que membros inferiores fortalecidos auxiliam no retorno do sangue ao coração. É até comum ouvir dizer que as panturrilhas são nosso segundo coração.


4: MÚSCULOS GARANTEM UM ASPECTO TONIFICADO AO CORPO

Quantos quilos você tem? Provavelmente você sabe a resposta sem nem pensar muito.

No entanto, essa medida só me diz o quão leve ou pesada você é, e não se você é gorda ou magra, mesmo com uma aparência mais magra, seu peso na balança pode estar maior.


Músculos ocupam menos espaço que gordura. E mais importante que isso: são os músculos que deixam o corpo tonificado.


Sendo assim, embora os exercícios aeróbicos auxiliem no emagrecimento, fazer apenas esse tipo de atividade pode comprometer sua massa magra e, consequentemente, sua aparência.


O que adianta estar com o peso menor na balança, mas também com o corpo mais flácido e enfraquecido?

Para emagrecer com saúde, é essencial conjugar os dois tipos de atividade, mas é a musculação que vai fortalecer seus músculos, deixando seu corpo mais bonito e também mais saudável.


Digo saudável porque pessoas com peso normal, mas percentual alto de gordura têm o mesmo risco aumentado para doenças cardíacas e diabetes que pessoas obesas.


5: MUSCULAÇÃO EMAGRECE E VAI AJUDAR VOCÊ A SE MANTER MAGRA;

Como eu disse logo no início, emagrecer é diferente de perder peso.


Perder peso é o que geralmente acontece em uma dieta restritiva. O problema é que esse peso é muito mais de água e músculos do que de gordura.


No entanto, é esse número menor na balança que anima você a continuar fazendo a dieta e… Perdendo cada vez mais massa magra.


E com menos músculos, seu metabolismo fica mais lento. Daí quando você para de fazer a dieta, já que ninguém vive de sopa e alface para sempre, engorda tudo o que emagreceu e mais um pouco.


E normalmente quem faz esse tipo de dieta milagrosa, também acha que precisa ficar horas e horas fazendo aeróbico para emagrecer.


O problema é que aeróbicos prolongados podem causar a liberação de hormônios como o glucagon, as catecolaminas e o cortisol em seu organismo.


Com a liberação desses hormônios na corrente sanguínea, seu corpo entra em processo de catabolismo muscular. Então, embora você perca gordura, perde também massa magra.

Ou seja, se você tem feito dietas restritas e aeróbicos de longa duração sem um acompanhamento profissional, a perda de massa muscular é muito mais acentuada do que a perda de gordura, desta maneira temos prejuízo para todos os sistemas e acentuamos as doenças degenerativas.

Assim você entra no eterno ciclo do fracasso em sua dieta e nunca consegue se livrar do efeito sanfona, já que seu metabolismo está cada vez mais lento e precisa de menos calorias para se manter.


O que fazer então?

Adequar sua alimentação ao seu objetivo, pensar em médio e longo prazos e investir na musculação.


Pois além de ser um fator importante para a perda de peso, é fundamental para a manutenção da boa forma durante e após o emagrecimento.


6: MUSCULAÇÃO PODE SER ADAPTADA A QUALQUER OBJETIVO

A musculação é um esporte muito versátil, podendo se adaptar a qualquer tipo de objetivo, infelizmente na maioria das vezes ela não é apresentada de forma devida e coerente para o aspecto individual.


Mas para que isso aconteça, é indispensável que você converse com um Profissional de educação física e, principalmente, confie no trabalho dele.


Não adianta pedir para ele te passar uma série, mas ficar copiando os exercícios que você vê nas revistas ou nas redes sociais.


É muito bom termos nossas fontes de inspiração, mas seus objetivos devem levar em consideração o seu corpo, a sua rotina, seu grau de dedicação aos treinos e à dieta e do que você está disposta a abrir mão para alcançar seu objetivo.


Ou seja, é muito improdutivo ficar se comparando ou usando outras pessoas como parâmetro para a sua vida.


Tenha em mente que o único objetivo verdadeiramente possível é ser a melhor versão de você mesma.


Existe um treino específico para emagrecer?


Não, não existe um único tipo de treino para emagrecer, ou para definir, ou para qualquer outro objetivo. Dizer que 3×15 é pra definir e 4×8 para hipertrofiar é ser muito simplista, pensar dessa maneira é possuir uma visão pequena sobre o grandioso mundo que é a característica individual e fisiológica de cada um.


Para que um treino de musculação seja efetivo, inclusive para o emagrecimento, o fator mais importante é a intensidade.

É comum que iniciantes na musculação e pessoas com o objetivo de emagrecer não sejam tão ativas e condicionadas, então, nessas circunstâncias, o ideal é equilibrar intensidade e volume.


Como em qualquer atividade que você estiver iniciando, vá devagar. Nesse primeiro momento, não é indicado cargas muito elevadas, pois assim seria difícil completar todas repetições e, pela falta de experiência, o risco de se lesionar é maior.


Mas isso não significa que você deva pegar tão leve a ponto de só começar a sentir um pequeno desconforto na 20ª repetição.


Um erro muito comum de pessoas que desejam emagrecer é treinar com cargas levíssimas, fazendo movimento rápido sem controle sobre a carga e fazer muitas repetições com o intuito de “queimar”.


Sinto em dizer, mas essa queimação é por causa dos íons de hidrogênio liberados pelo ácido lático e não queima de gordura localizada, como alguns acreditam, bem como quanto menor o tempo de contração muscular menor o tempo da musculatura gastando calorias.


Junto a um educador físico, encontre um meio termo entre carga e número de repetições. Seu progresso será gradual se você mantiver a consistência e o foco nos treinos.


Vale lembrar que o tempo de intervalo entre as séries não deve ser muito grande, já que a ideia é obter uma intensidade mais elevada com equilíbrio do volume.

Ou seja, fazer 1 série de musculação e 3 séries de whatsapp conjugado com Instagram não vai garantir os resultados que você espera.


Além disso, é mais interessante focar em exercícios multiarticulares, nos quais o gasto calórico é mais elevado, já que são recrutados mais grupamentos musculares grandes, como o T.A.M(Treino de Aceleração Metabólica).

Sendo assim, dê preferência a agachamentos, stiff, leg press, levantamento terra ao invés de exercícios com caneleiras, por exemplo. Isso vale para os demais grupos musculares, especialmente se você não tiver muito tempo para treinar.


Um Forte Abraço Anabolizado a Todos.


TEDDY JONES

Personal Trainer

CREF 9454-G/SC

14 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page